Trabalho de Filosofia sobre o filme Vanilla Sky


1 - Qual é a ideia central do filme?

         A ideia central do filme trata de como os sentidos podem iludir os indivíduos, fazendo-os por vezes acreditar naquilo que não aconteceu, não existe, ou existe apenas na mente. Ele também mostra que não se pode ter certeza daquilo que se sabe, se o momento presente é real, pois existe a possibilidade de as pessoas serem enganadas por seus sentidos por meio de sonhos ou alucinações.

   A personagem David Aimees está congelada, mas sua vida mental está acontecendo, ele esta tendo o que no filme é chamado sonho lúcido com mémorias criadas por ele inspiradas em suas vivenciais . No entanto, seu sonho se transforma em pesadelo , pois, seu subconsciente começa a interferir em seus sonhos fazendo-o vivenciar situações traumaticas. O que leva  a personagem a descobrir que tudo que esteve vivenciando durante 150 anos foi um sonho, e optando por sair deste estado e voltar a viver em sociedade. O filme leva a reflexão sobre a percepcao que as pessoas tem de si e de seus estados mentais e também do mundo externo.


2- Escolher uma cena do filme e comentar, fazer relação entre ele e outras obras:

A cena do filme em que David dorme no chão a pós sair da boate começa  a sonhar me fez lembrar da cena inicial de Cidade dos Sonhos de David Lynch onde a personagem principal Dyane começa a ter um pesadelo\ alucinação e começa a imaginar uma realidade completamente diferente daquilo que ela  vivenciou, onde ela é a heroína da história. Em ambos os filmes os telespectadores são primeiramente levados a crer que aqueles acontecimentos são reais e no desenrolar do filme percebe-se que tudo não se trata de um sonho.

Além disso nas Meditações Descartes trata do princípio da dúvida hiperbólica afirmando que não se pode ter certeza se nossas crenças estão sendo manipuladas por um gênio maligno/deus enganador e de que nossa única certeza de que existimos é porque pensamos.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Suicídio

Devir